Mets 7 vs 10 Phillies

Que susto Joe Blanton!

Após um início de jogo dominante, onde Blanton foi até o 3 inning invicto e Ryan Howard liderou os Phillies em um pesadelo para Mike Pelfrey que cedeu sete corridas até a 4 entrada, tivemos um susto que inevitavelmente nos fez lembrar da partida de terça-feira. Com 17 corridas, o jogo de quarta foi um espetáculo de emoções, jogadas interessantes e lances inusitados.

No primeiro inning, Reyes chegou até a 3B graças a rebatida dele mesmo, um roubo de base e um erro do Catcher Brian Schneider, que começou o jogo no lugar do Ruiz. Fiquei até preocupado, afinal quem viria pro bastão seria Harris e Wright. Parecia que teríamos um primeiro inning agitado, mas os dois foram eliminados por Blanton.  Beltran acertou uma flyball e passou a vez para os Phillies.

Logo pra começar, Shane Victorino acertou uma rebatida tripla e foi parar em posição de marcar pontos.  Placido Polanco rebateu pro chão, mas foi o suficiente para inaugurarmos o placar: 1 x 0 com Shane Victorino.  J-Roll foi eliminado após uma rebatida, mas Ryan Howard conseguiu uma rebatida dupla e ainda completou sua corrida após uma rebatida também dupla de Raul Ibanez. 2 x 0. Francisco foi eliminado para o fim da 1 entrada.

O jogo seguiu muito bem na segunda entrada. Pros Phillies, é claro. Após conseguir apenas uma rebatida válida e deixar que Pete Orr (que jogou no lugar de Valdez na 2B) chegasse até a primeira, os Mets passariam por uma situação muito constrangedora. Blanton no bastão tenta um sacrifice bunt. A bola voa lentamente em direção de Pelfrey indicando uma simples eliminação e uma tentativa de corrida até a segunda base por Orr. Mas o bizarro é que Mike “mão furada” Pelfrey não segurou a bola e ainda ficou nervoso, jogando a mesma de forma muito esquisita para a 1B. Por causa disso, a bola foi lá no outfield. Enquanto isso, Pete Orr já estava lá na 3B com apenas um eliminado e Blanton, que tentou se sacrificar, na 2B.

3 x 0 Phillies por uma rebatida que eliminou Shane Victorino mas mandou Orr direto para o Home Plate.

3 e cabalístico inning. Mets passam em branco com Blanton jogando muito bem. 4 strikeouts e já passavamos por Reyes, Harries e Wright zerados novamente. Ryan Howard, que acordou inspirado, bate o seu segundo Home Run da temporada, direto no Center Field, e nos leva a um 4 x 0.  Será que estamos dando pros Mets o mesmo remédio que tomamos na terça?

Raul Ibanez rebate mais uma e Francisco, que quase fez 2 HR na terça e já fez um nos Astros, ganha um Walk levando Ibanez para a 2B. Pete Orr rebate uma simples e mostra o melhor do ataque dos Phillies nesse início temporada: O poder de trabalhar as bolas curtas e encher as bases, ao invés de depender de HR.

Bases cheias. A sorte é que Schneider viria pro bastão. Mas na terceira entrada, tomar 4 x 0 e deixar as bases cheias, além de ter cometido um erro, enfim: não dava mais pro Pelfrey. Taylor Buchholz vem como reliever para a missão impossível. Schneider é eliminado. Blanton rebate válido, vai para a 2B e joga Ibanez + Franscisco para o Home Plate e Pete Orr para a terceira. 6 x 0 e o massacre continua.  Polanco ainda acertaria mais uma para impulsionar Orr para mais uma corrida completa. 7 x 0 no 3 inning. Melhor que na terça.

O jogo já parecia resolvido. O problema é que esqueceram de avisar pros Mets. Durante os 4 e 5 innings, sete corridas foram marcadas deixando tudo igual. Será que Blanton se cansou ou se desligou do jogo?

Angel Pagan marcou um HR impulsionando duas corridas, no 4 inning levando o jogo a um 7 x 2.  Ryan Howard ainda chegou na 3 base, mas os Phillies não conseguiram aumentar sua vantagem.

5 inning, 5 corridas. Em um surto de Blanton, os melhores jogadores dos Mets marcaram corridas consecutivas: Reyes, Harries, Wright, Beltran e Pagan. 7 a….7? Será que vão virar?

Não. Porque? Porque temos Ryan Howard, Shane Victorino e Polanco. Só na bola curta, Victorino e Polanco marcam corridas, impulsionados pelo próprio Polanco e por Ryan Howard. 9 x 7. Para fechar o placar, Ben Francisco ainda marcaria um Home Run para continuar acompanhando Howard: 2 HRs para cada um na temporada e 10 x 7 para os Phillies.

Jose Contreras veio de closer e acabou com o jogo, conseguindo seu primeiro Save do ano.

Destaque do jogo: Ryan Howard. Ele foi 100% no bastão. 4 vezes, 4 rebatidas, 1 HR, 2 Runs e 2 RBI. Não tem o que dizer.

Muitos achavam que Joe Blanton seria o elo fraco da rotação dos Phillies, mas ele vem demonstrando que não é fraco assim. Claro que a 4 entrada foi de lascar, mas espero que ele tenha cansado e que fique melhor conforme ganhe ritmo de jogo ao longo do ano.

Agora a série está empatada: 1 – 1 e voltamos a liderança da divisão.

Go Phillies!

 

 

1 Response to “Mets 7 vs 10 Phillies”


  1. 1 flaviomrk abril 7, 2011 às 7:58 pm

    O Howard jogou muito bem só faltou a rebatida tripla pro cycle e o bullpen foi muito bem no jogo.


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Agenda

abril 2011
S T Q Q S S D
« mar   maio »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  

RSS ESPN Baseball

  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.

Twitter do Jack


%d blogueiros gostam disto: