Reds 3 x 10 Phillies

Estamos de volta.

Após mais de 20 jogos, voltamos a marcar 10 ou mais corridas. A última vez havia sido em 29/Abr contra os Mets, no primeiro jogo de uma série que vencemos por dois a um. Depois de tanto tempo, estamos de volta a um ataque produtivo.

Domonic Brown e Chase Utley estão de volta. Após tanto tempo afirmando que isso era o que faltava nos Phillies, finalmente eles estão no lineup. Recuperados de suas lesões, Brown que é uma grande aposta e jóia dos Phillies, junto de Chase Utley que é um grande líder e ídolo, nos ajudarão a levar as bandeirinhas da World Series de volta pra Philadelphia.

Engraçado que a volta dos dois jogadores não alterou tão fortemente o jogo. Utley foi o único a passar em branco no bastão e Brown possui apenas um hit em dois jogos. Ao menos foi um Double. Tudo isso é muito esperado, afinal, estão começando a jogar nas Majors agora com mais de 40 jogos disputados.

Mas não importa. Nem que seja pela confiança, nem que seja pela liderança. Foi maravilhoso ver Utley voltando e recebendo uma “standing ovation” no CBP. Foi muito bom ter a expectativa de uma rebatida e ainda melhor assistir o grande fielding do 2B.

Não sei se o povo ficou animado. Talvez Jimmy Rollins, mas o certo é que dominamos de ponta a ponta. Já no primeiro inning, Placido Polanco rebateu um meteoro e marcou duas corridas ao impulsionar o PROFETA junto de seu Home Run.

Primeira entrada e já tinhamos um 2 x 0. Mas o melhor ainda estava por vir.

Cole Hamels manteve seu padrão de arremessos, embora não no melhor dos seus dias.  Nos levou a um inning com 1 hit e scoreless. Enquanto isso, a turma trabalhava no bastão. Na 2 entrada mesmo, conseguimos colocar Ruiz e Brown na segunda após a rebatida dupla do Domonic. Pena que o Cole Hamels rebateu no Votto, que com olhos de águia e braço de gorila jogou a bola para o catcher eliminar Ruiz no Home Plate.

Por sinal, pra mim foi ponto. Afinal, toda jogada no Home Plate com um Phillies correndo, será ponto. Ruiz, Charlie Manuel e até o papa reclamaram mas não teve jeito.

A terceira entrada foi pura mágica. Conseguimos que 10 rebatedores participassem da entrada. Um giro completo na rotação. E isso significa que antes de três eliminados, já tinhamos lotado as bases, limpado e tentado encher novamente.

Utley passou em branco. Polanco e Howard chegaram a bases. Ibanez enviou Polanco para o Home Plate com uma dupla. Ruiz ganhou um Walk, bases cheias. JOHN MAYBERRY (esse cara precisa ser titular, talvez no RF),  rebate muito bem e impulsiona Howard E Ibanez pra bases. 4 x 0. Mayberry e Ruiz em bases.

Cole Hamels no bastão. Pimba. Ruiz vai pro Home Plate. Mayberry e Hamels em bases. O PROFETA no bastão. Bola longa de Jimmy Rollins e mais 3 corridas anotas. Simplesmente limpamos as bases. Simplesmente aproveitamos neste inning todos os jogadores em posição de marcar corridas. TODOS.

7 corridas na entrada. 9 a 0 no placar.

Hamels deu uma cochilada na 4 entrada. Talvez empolgado pelo RBI, ou impressionado pelas 9 corridas. Menos provável, mas talvez com pena dos pitchers de Cincinnati que vieram desde Ohio para tomar um piau. O fato é que nessa altura do jogo, o starting pitcher dos Reds já tinha ido dormir. Tchau tchau Arroyo.

Mas enfim, Hamels acabou cometendo uma série de erros que levaram a 3 rebatidas. Duas simples e um Home Run para anotar os 3 pontos dos Reds no jogo. A coisa ainda complicou quando Cole Hamels cedeu um Walk e cometeu um BALK para preencher duas bases com dois eliminados. Mas Hamels se recuperou eliminando Matt Maloney e encerrando a entrada.

Na 4, os Phillies ainda tinham o que mostrar. Raul Ibanez, que era o mais criticado inclusive por mim, virou o craque da Philadelphia. Vendo os HR de Polanco e Rollins, mesmo já tendo 1 RBI, partiu pra dentro e marcou mais um Home Run. Dessa vez de apenas uma corrida. 10 x 3.

O resto do jogo foi pra completar o resultado. Bastardo, Stutes e Baez fecharam sem aceitar nenhuma rebatida. Cole Hamels também não aceitou mais nenhuma além das 4 em seus 6 IP. Stutes se destacou por conseguir duas eliminações por SO.

O jogo foi uma grande festa. Um grande placar na volta de um grande ídolo. Espero que essa seja uma grande série e que hoje possamos acompanhar uma grande atuação de Vance Worley, o mais novo queridinho dos Phillies.

Só faltou o Shane Victorino, que só deve retornar em Junho. Ao que tudo indica, Contreras de volta até o final de semana.

2 Responses to “Reds 3 x 10 Phillies”


  1. 1 Fláviomrk maio 24, 2011 às 8:19 pm

    O ataque foi muito bem, o maior público da temporada regular na história do Citizens Bank Park com 45.841 pessoas, também deve ter ajudado nessa melhora, espero que consigam manter nos próximos jogos.

  2. 2 Jack maio 24, 2011 às 8:24 pm

    Uau, muita gente!

    Um dia vou estar lá entre os 45 mil rs.


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Agenda

maio 2011
S T Q Q S S D
« abr   jun »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  

RSS ESPN Baseball

  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.

Twitter do Jack


%d blogueiros gostam disto: