Red Sox 5 x Phillies 2

Quase.

Como tem sido difícil para os Phillies completar varridas neste ano. As séries, em grande maioria ganhamos por 2 a 1, 3 a 1, mas varrer, quase impossível. Já falei isso em outra oportunidade, quando desisti de acreditar que o recorde de vitórias na Regular Season viria. Mesmo assim, acreditei numa varrida contra os Red Sox.

Se o fator histórico não indicava, o pior já havia passado. Conseguimos derrotar Beckett, Worley também trouxe uma vitória apertada e porque Hamels não conseguiria seu 10 Win do ano?

O jogo começou bem. Os dois pitchers, Hamels e Lester, seguiam bem. Especialmente Hamels. O talentoso ace, só havia cedido 2 hits e já havia eliminado dois por strikeout. Em uma bola curva rebatida em direção ao montinho, Hamels fez a pegada e eliminou Scutaro num lance de puro reflexo e sorte. A bela jogada na 3 entrada deixou Cole confiante, sem sombra de dúvidas.

Na 4 entrada, Hamels seguia eliminando os adversários sem dificuldade. Mas aí chegou Adrian Gonzalez na Batter Box.  Hamels dispara uma Cutter e Gonzalez rebate a mesma liner na direção do montinho. Hamels extra-confiante, estica o braço para fazer a eliminação. O movimento é mal calculado e atinge a mão direita do canhoto. Sua luva chega a cair no chão. Ele ainda consegue completar a jogada, arremessando para Ryan Howard eliminar Gonzalez na 1B. Mas o estrago já havia sido feito. Com um inchaço na mão, Hamels apenas termina o inning e se retira do jogo com 53 arremessos.

O resto é história.

Eu até brinquei no Fórum Strikeout que isso era canalhice dos Red Sox em tentar acertar a mão do Pitcher pra ganhar o jogo. Fui até mal interpretado, como se estivesse falando sério rs. Mas era apenas uma forma de apimentar uma conversa com a torcida alheia. No replay dos dois lances, é absurdamente claro o quanto que Cole Hamels estica o braço para tentar conter as jogadas. Deu certo uma vez, e não tão certo na outra. É a vida.

O Bullpen da Philadelphia está sentindo as lesões. Com Ryan Madson, Contreras e Lidge no estaleiro, acaba sobrando Bastardo e Stutes como pitchers de qualidade. Herndon tem sofrido com atuações ruins no ano, Carpenter e Mathiesson são dois iniciantes que até terão algum futuro, porém não são do naipe do Vance Worley.

Carpenter fez sua estréia recebendo duas corridas em dois HRs em sequencia. Imperdoável. Somada as três corridas, sendo 1 na longball, cedidas pelo Herndon e ficamos sem chances no jogo.

Mathiesson não cedeu corridas.

Ryan Howard anotou um HR de duas corridas na última entrada. Se o plano fosse seguido com Hamels no montinho até o fim, talvez fosse o necessário para a vitória. Mas tinha uma liner no meio do caminho. No meio do caminho, tinha uma liner.

0 Responses to “Red Sox 5 x Phillies 2”



  1. Deixe um comentário

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Agenda

julho 2011
S T Q Q S S D
« jun   ago »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

RSS ESPN Baseball

  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.

Twitter do Jack


%d blogueiros gostam disto: